Para cada 5 carros vendidos em 2024, 1 será elétrico, segundo Agência Internacional de Energia

13
Carro elétrico durante recarga da bateria. Foto Canal Energia

Os carros elétricos já fazem parte das ruas em todas as partes do mundo, e a inovação tende a crescer significativamente nos próximos anos, pois, segundo a Agência Internacional de Energia (IEA), 1 em cada 5 carros vendidos em 2024 será elétrico.

Um relatório da organização apurou que as vendas de eletrificados neste ano podem chegar a 17 milhões de veículos – o que representa uma alta de 3 milhões, em relação a 2023, quando também houve crescimento de 25% na comercialização, em comparação ao ano anterior.

Isso significa que a aquisição de veículos elétricos está em ascensão, e, segundo o estudo, as vendas foram concentradas nos maiores mercados de eletrificados: China, União Europeia e Estados Unidos, que alcançaram 60% das vendas em 2023.

Para 2024, a China deve liderar o setor com a venda de 10 milhões de carros elétricos, o que representa quase metade de todas as vendas de carros no país (45%), devido ao seu custo reduzido e ampla oferta. Já em relação aos EUA, a IEA projeta um crescimento de 20% na comercialização de eletrificados, comparado com 2023, atingindo cerca de 1,5 milhão de unidades.

Embora a maior parte da demanda esteja centrada nesses países, também houve uma ascensão dos mercados emergentes, como Vietnã e Tailândia, que obtiveram 15% e 10% do total de vendas, respectivamente.

A agência ressalta que esse resultado é um recorde, visto que em 2023 a venda de veículos eletrificados aumentou em 35% e atingiu 14 milhões de unidades comercializadas.

Essa alta deve impactar significativamente na demanda por petróleo, que tende a cair. A IEA afirma que a circulação de carros, ônibus, vans e outros veículos elétricos evitará o uso de 6 milhões de barris de óleo por dia até 2030, ultrapassando os 10 milhões em 2035.

Fonte: Terra Brasil Notícias

 

Deixe seu comentário