Jaime Bagattoli confirma apoio a Rogério Marinho na presidência do Senado

74
O senador eleito por Rondônia, Jaime Bagattoli. Foto Divulgação PL

Ao participar de reunião com lideranças do PL, PP e Republicanos neste sábado (28.01) em Brasília, o  senador eleito por Rondônia, Jaime Bagattoli confirmou apoio à eleição de Rogério Marinho (PL-RN) à presidência do Senado. Segundo apurou o site, Marinho já teria 26 votos com o apoio do PP e Republicanos.

Candidato à presidência do Senado, Rogério Marinho. Foto: PL

Segundo apurou o site, o suplente de senador, Samuel Araújo (PSD) deve apoia Rodrigo Pacheco (PSD-MG), aliado do presidente Lula. Costa é suplente do senador Marcos Rogério (PL), que pediu licença do senado.

O senador Confúcio Moura deve apoiar Rodrigo Pacheco. Seu partido, o MDB é da base aliada do presidente Lula e foi beneficiado com o Ministério do Planejamento.

Três candidatos

Além de Rodrigo Pacheco e Rogério Marinho, está na disputa pela presidência  o senador Eduardo Girão (Podemos-CE). Ele oficializou na sexta-feira (27.01) sua candidatura à presidência do Senado. No documento, Girão afirma que a alternância de poder é saudável e essencial na democracia.

Eleição

Os trabalhos no Senado recomeçam na quarta-feira (1º) com a posse dos senadores eleitos em outubro de 2022. O início está previsto para as 15 horas. Depois, às 16 horas, começa a reunião preparatória destinada à eleição do presidente do Senado. O mandato do presidente, que também responde pela Presidência do Congresso Nacional, é de dois anos. Tradicionalmente, o registro de candidaturas à presidência do Senado pode ser feito até o início da reunião em que ocorre a eleição.

Boas-vindas

Na próxima segunda-feira, 30, Costa Neto, promoverá um jantar para dar boas-vindas aos novos parlamentares das bancadas federais eleitas do PL no Senado e na Câmara dos Deputados, e para tratar de assuntos de interesse do Partido para o próximo pleito legislativo.

LEIA AINDA:

OPINIÃO: Senadores Confúcio Moura e Samuel Araújo fechados com Rodrigo Pacheco 

Fonte: Valor&MercadoRO com Agência Senado

Deixe seu comentário