Pecuaristas devem declarar o rebanho até o dia 30 de novembro

33
População bovina de Rondônia é a segunda maior da Região Norte

Os produtores rurais de Rondônia, criadores de bovinos, bubalinos, ovinos, caprinos, suínos, equídeos e aves, têm até o dia 30 de novembro para adesão à segunda etapa de declaração de rebanhos da Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril – Idaron.

O prazo para a declaração iniciou na última quarta-feira (1º) e a partir do início deste período, a emissão da Guia de Trânsito Animal (GTA) passa a estar vinculada à declaração de rebanhos. Ou seja, o produtor só poderá emitir a GTA depois que regularizar o rebanho junto à Idaron.

O presidente da Agência, Julio Cesar Rocha Peres destacou que, a declaração de rebanhos é uma das mais importantes ações para que Rondônia mantenha o status internacional de área livre de febre aftosa sem vacinação.

“Esse é um dos compromissos que integra a política de responsabilidade compartilhada, firmada entre o Estado e o pecuarista. É uma ação simples que garante maior chance de busca de mercados à agropecuária do Estado”, explicou.

Fonte: Secom

Deixe seu comentário