Nova consulta plebiscitária vai definir limite de municípios de Rondônia

144
Presidente da Assembleia, Marcelo Cruz (c) com o prefeito de Nova Mamoré, Marcelio (e) e o secretário de Agricultura, Carlos Magno. Foto: Divulgação Facebook

O ano legislativo inicia nesta terça-feira (28.02) com pautas de relevante interesse econômico da população rondoniense. Uma das propostas que deve ser apresentada nos próximos dias no parlamento rondoniense é a que trata da consulta plebiscitária para definir limite dos municípios de Porto Velho e Nova Mamoré. As duas cidades se destacam na economia do Estado e no Produto Interno Brasileiro (PIB), com destaque importante na produção de soja, milho e pecuária.

Na última sexta-feira (24.02), o prefeito de Nova Mamoré, Marcélio Brasileiro (PSD), cumpriu extensa agenda na capital rondoniense e foi recebido pelo presidente da Assembleia Legislativa, deputado Marcelo Cruz (Patriota) para tratar do encaminhamento do assunto no Poder Legislativo. O encontro contou com a participação do secretário município de Agricultura de Porto Velho, Carlos Magno.

O objetivo de discussão entre as lideranças políticas é o desmembramento da região da Vila da Penha, região que pertence ao município de Porto Velho. A área está localizada a cerca de 150 km da capital rondoniense. Devido à distância, a prefeitura de Porto Velho atende com dificuldade as prioridades da população daquela região.

Marcélio relatou ao presidente Marcelo Cruz que o município, por estar geograficamente mais perto da localidade de Penha, tem recebido várias demandas da população no que tange na recuperação de estradas, saúde, educação, assistência social e infraestrutura.

O assunto também foi tratado com o prefeito de Porto Velho, Hildon Chaves (UB), presidente da Câmara de Vereadores, Márcio Pacelli (PSB). O próximo passo agora é trabalhar uma reunião com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RO). O encontro servirá para nortear a consulta plebiscitária com a participação da população da região.

Prefeitos Hildon Chaves (Porto Velho), Marcélio (Nova Mamoré) e secretário Carlos Magno. Foto: Divulgação
Prefeitos Hildon Chaves (Porto Velho), Marcélio (Nova Mamoré) e secretário Carlos Magno. Foto: Divulgação

 

 

Demandas de Nova Mamoré crescem

Com forte participação no PIB e no agronegócio, o município de Nova Mamoré se transformou em uma das cidades mais importante na arrecadação de tributos do estado. Com o crescimento econômico da região, aumenta também as demandas da região.

No ano passado, representantes do Poder Judiciário estiveram na região para tratar da criação de nova comarca. A proposta é ampliar o acesso a Justiça. Além da comarca, a Justiça vai implantar viabilizar, com ajuda do município, o Fórum Digital.

Os fóruns oferecem condições tecnológicas para acesso aos serviços judiciais. O modelo inovador, reconhecido pelo Conselho Nacional de Justiça como boa prática, ganhou o apoio de outras instituições que também deverão atuar nos espaços. Mais seis fóruns devem ser entregues até julho de 2023 pela Justiça.

LEIA AINDA:

Força do Agro: Porto Velho, Nova Mamoré e Machadinho lideram na contratação de crédito rural

Fonte: Redação Valor&MercadoRO

Deixe seu comentário