Mourão fala em “estado policial” após ação da PF contra Ramagem

11
O ex-vice-presidente da república, general Hamilton Mourão, durante cerimônia de assinatura do decreto que dispõe sobre o Conselho Nacional da Amazônia Legal

O ex-vice-presidente de Jair Bolsonaro (PL) e senador Hamilton Mourão (Republicanos-RS) usou o X, antigo Twitter, nesta quinta-feira (25) para protestar contra a operação da Polícia Federal contra o deputado federal Alexandre Ramagem (PL-RJ), suspeito de envolvimento em um esquema criminoso de espionagem ilegal feito pela Agência Brasileira de Inteligência (Abin) durante o governo anterior.

Para Mourão, o Brasil vive um “estado policial”. “Inadmissível o que está acontecendo! Há poucos dias foi o Dep Jordy, agora os abusos atingiram o Dep Ramagem. Os dois são politicos de oposição, pré-candidatos a prefeito em cidades importantes… Resta claro que  o ‘sistema’ está atuando, com ferramentas de um ‘estado policial’, que quer destruir alternativas políticas de direita e conservadoras”.

Fonte: Brasil 247

Deixe seu comentário