Ministério da Pesca é autorizado a contratar 264 pessoas por tempo determinado

13

O ministro da Pesca e Aquicultura substituto, Cristina Kiomi, assinou portaria autorizando o quantitativo máximo de 264 pessoas, para atender necessidade temporária de excepcional interesse público.

As pessoas serão contratadas para desenvolver atividades de cunho técnico para atendimento das demandas administrativas, judiciais e gerenciais relacionadas ao setor pesqueiro nacional.

O prazo para publicação do edital de abertura de inscrições para o processo seletivo simplificado será de até 6 seis meses.

Veja as vagas que serão ofertadas:

Função

Qtd

Profissional da área de Direito

16

Profissional da área de Economia

8

Profissional da área de Contabilidade

2

Profissional da área de Tecnologia de Informação

17

Profissional da área de Jornalismo/Comunicação

7

Profissional da área de Marketing

1

Profissional da área de Engenharia de Pesca/Oceanógrafo/Biólogo

73

Profissional da área de Estatística/Matemática

4

Profissional da área de Administração/Gestão Pública

20

Profissional da área de Recursos Humanos

7

Profissional da área de Assistência Social/Sociologia

6

Profissional da área de Design Gráfico

2

Profissional da área de Engenharia Civil

3

Profissional da área de Arquitetura

1

Profissional técnico de Nível Superior

97

TOTAL

264

 

Fonte: Valor&MercadoRO

Deixe seu comentário