Consórcio de Rondônia abre pregão eletrônico de R$ 1.8 milhão para comprar bonés, chapéus e mochilas

115
Foto: Marcos Rodrigues/Sejus

O Consórcio Intermunicipal da Região Centro Leste de Rondônia (Cimcero), tornou público nesta quarta-feira (05.04), pregão eletrônico com objeto de registro de preços para faturar e eventual aquisição de uniformes, bonés, chapéus, mochilas, bolsas e outros materiais personalizados, para atender os municípios consorciados. Eis a íntegra do pregão.

A aquisição, caso seja consolidada, será para atender os municípios consorciados por um período de 12 meses. São consorciados os seguintes municípios: Alta Floresta, Parecis, Ariquemes, Cabixi, Corumbiara, Costa Marques, Espigão, Guajará, Ji-Paraná, Machadinho, Mirante da Serra, Ouro Preto, Parecis, Pimenteiras, Rolim de Moura, Presidente Médici, São Francisco, São Miguel, Seringueiras, Teixeirópolis, Theobroma e Vale do Anari.

A data de abertura do pregão eletrônico, está programada para acontecer no próximo dia 17 de abril, às 10 horas, horário de Brasília, conforme apurou a reportagem do site Valor&MercadoRO. O Consórcio tem como presidente o prefeito de São Miguel, Cornélio Duarte.

Estado entrega materiais esportivos produzidos por presos

Utilizando mão de obra reeducanda em projetos sociais, o Governo de Rondônia por meio da Secretaria de Estado da Justiça – Sejus iniciou a entrega de materiais esportivos, produzidos dentro do sistema prisional, para o clube de futebol Sport Clube Genus. A entrega aconteceu no último dia 20 de fevereiro.

Inicialmente foram repassadas 10 bolas de futebol de campo, mas seguem em produção mais 10 bolas, 20 bolas de futsal, 3 redes de futebol de campo, 5 redes de futsal, 3 redes de futebol society, 60 tops femininos para ginástica aeróbica, 60 calças de capoeira e 40 camisetas. A ação é realizada através do programa Pintando a Liberdade.

Projeto atende 30 municípios

Os insumos para a produção do material são fornecidos por meio de parcerias com o Genus, que realiza o projeto Renascendo pelo Esporte, desde 2018, ano em que iniciou a parceria com a Sejus. O projeto atende mais de 151 entidades, associações e escolinhas, em 30 municípios do Estado. O presidente do Genus, Evaldo Silva agradeceu a parceria e destacou que “o apoio do governo foi fundamental para a evolução do projeto, e de início fomos prontamente atendidos em 2018 pelo governador Marcos Rocha, na época, secretário da Sejus. Hoje conseguimos atender mais de 10 mil jovens, mantendo-os longe das ruas e guiados pela disciplina e acolhimento do esporte”.

Projeto pintando a Liberdade

O Programa Pintando a Liberdade iniciou em Rondônia, no ano de 1999. Inicialmente, foi instalada a fábrica de bolas da Penitenciária Estadual Ênio Pinheiro dos Santos. Posteriormente começou o ateliê de costura, e há cerca de 8 meses foi expandido para a Penitenciária Estadual Milton Soares de Carvalho, tendo mais uma fábrica de bolas e um ateliê de costura. Atualmente 79 reeducandos estão inseridos no projeto, em que são produzidos diversos materiais esportivos e uniformes para o sistema prisional Estadual.
O governador de Rondônia, Marcos Rocha destacou a relevância do projeto e da parceria para toda a sociedade. “Através do Renascendo pelo Esporte e Pintando a Liberdade, conseguimos ressocializar esses internos inseridos nos projetos e alcançamos diretamente nossa juventude, a qual é beneficiada através da prática esportiva”, finalizou.

Participaram da entrega, o secretário de Justiça, Marcus Rito, a diretora de políticas penais, Larissa Iúri Mendonça, o gerente de reinserção social, Fábio Recalde, o coordenador do programa Pintando a Liberdade, Elias Rodrigues e o presidente do Genus, Evaldo Silva.

Fonte: Redação Valor&MercadoRO com informações do governo do Estado

Deixe seu comentário