Governador Marcos Rocha sofre derrota inédita na Assembleia Legislativa

116

O governador Marcos Rocha (União Brasil) sofreu uma derrota inédita na Assembleia Legislativa, ao ter o nome do auditor fiscal Jailson Viana de Almeida rejeitado, por unanimidade, para ocupar o cargo de conselheiro do Tribunal de Contas do Estado de Rondônia (TCE-RO).

Rocha entra para a história politica de Rondônia ao ser o primeiro governador a ter um nome indicado “barrado” para ocupar uma cadeira na corte de contas. Os ex-governadores, após várias articulações políticas nos bastidores, sempre tiveram sucesso na indicação de nomes para o TCE.

O ex-governador Confúcio Moura (MDB) conseguiu emplacar com facilidade o ex-conselheiro Benedito Alves, que se aposentou no mês passado. A Assembleia Legislativa indicou, por unanimidade os conselheiros Francisco Carvalho e Wilber Coimbra. O TCE, por sua vez, indicou Paulo Cury Neto e Valdivino Crispim.

O ex-governador Osvaldo Piana recebeu apoio da Assembleia Legislativa para indicar o conselheiro Euler Potiyguara.

 

Fonte: Redação

Deixe seu comentário
Publicidade