Casa própria é o bem mais desejado pela família

5

SOLANO FERREIRA

Diz o ditado popular “Quem casa quer casa” numa alusão ao bem mais precioso e desejado pela família. A moradia própria é o sonho em comum, independente do padrão econômico ou social. E a medida que a pessoa possui uma moradia, inicia uma nova jornada de vida no sentido de melhorar o tipo e o padrão da habitação.

Em recente pesquisa divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), realizada a partir de estimativa levantada em todo o Brasil, indica que o atual déficit habitacional é de 5.900 milhões de moradias, isso porque, de 2019 até agora, foram entregues cerca de 1 milhão de moradias, diminuindo a demanda reprimida.

Apesar de ter muita gente interessada em possuir uma casa própria, o País vive o dilema da falta de dinheiro para investir na ampliação de conjuntos habitacionais de padrão popular. O governo federal tem o programa Casa Verde e Amarela, lançado recentemente com essa finalidade, mas não há dinheiro para construir casas para a população de baixa renda.

A falta de moradia vem causando a aglomeração habitacional. À medida que os filhos causam, os pais sedem parte do terreno para a construção de “um puxadinho”. Em outros casos, a nova família passa viver de favores dentro da própria casa dos país.

As linhas de financiamentos estão com taxas altas para esse tipo de investimento além da falta de recursos governamentais. Com isso, o problema vivido por todas as cidades brasileiras, pode ainda durar para ter solução e cada família ter seu lar, próprio lar.

O AUTOR É EDITOR-CHEFE DO DIÁRIO DA AMAZÔNIA

Deixe seu comentário
Publicidade