Audiência pública vai discutir vantagens econômicas da integração Brasil-Bolívia

43
Forte Príncipe da Beira, no município de Costa Marques, na fronteira do Brasil com a Bolívia

Costa Marques – (da redação de Porto Velho) Uma audiência pública programada para acontecer nesta quinta-feira (30) na Câmara de Vereadores de Costa Marques, na região do Vale do Guaporé de Rondônia, servirá para discutir as vantagens econômicas da integração Brasil-Bolívia, por meio do município. A solenidade acontece às 19 horas no plenário da Câmara de Vereadores e terá a participação de empresários, representantes dos dois países.

De acordo com a programação oficial, na sexta-feira (1), haverá a entrega do Estudo de Viabilidade Técnica e Econômica – EVTE para a senhora Carmen Eris Lima Lobo Dorado-Honorable , prefeita do Município de San Joaquín, na Bolívia. A noite, a comitiva segue para Prefeitura Municipal Autônomo de Trinidad – Sala José Natusch, onde haverá uma audiência pública para discutir o estudo.

A integração Brasil Bolívia, por meio do município de Costa Marques, começou a ganhar força no ano passado, após o presidente Jair Bolsonaro garantir viabilidade ao projeto de construção da ponte no rio Guaporé. O empresário Cesar Cassol é um dos incentivadores do projeto e nos últimos meses começou a receber o apoio de vários empresários da região central do Estado.

As audiências públicas contará com a participação do presidente da Assembleia Legisaltiva, deputado Alex Redano (Republicanos), deputado Lúcio Mosquini (MDB), coordenador da bancada federal de Rondônia no Congresso Nacional, além de representantes políticos e empresários dos dois países.

LEIA AINDA:

Integração rodoviária entre Brasil e Bolívia é discutida na Assembleia Legislativa

Deixe seu comentário
Publicidade